Cérebro de mãe

Li no Guia do Bebê que o cérebro da mulher muda e aumenta com a maternidade, um aumento sensível de volume, mas o suficiente para  incentivar estudos à respeito.

Eu comecei a analisar tanta diferença sentida entre a Gláucia que fui e a que sou e então concluí que tudo o que penso sobre isso,  merece um post.
Sempre fui elétrica, dormia pouco e tinha o “dedo na tomada”, tenho o hábito de planejar tudo e quando algo saía dos trilhos (dos meus trilhos) eu realmente ficava incomodada.. Gosto de criança desde sempre, porém antes era fácil devolvê-las às suas mães e o fazia com muita facilidade, não somente por não serem meus, mas porque me cansava facilmente das crianças e isso me fazia acreditar que eu não seria tão boa mãe assim ..  Perfeccionista até dizer chega, eu era daquelas que colocava copos em ordem de altura no armário e sempre muito vaidosa, não me imaginava rolando no chão com um molequinho e tampouco, andar descabelada na rua que ao se espelhar em uma vitrine sentir vergonha das madeixas desgrenhadas..  Enfim, estas são apenas algumas das muuuuuuuitas mudanças que acontecem na vida de uma mulher quando se tem um filho, descrevo aqui as mudanças comportamentais que são de fato as mais curiosas ..

Hoje, aliás, da gravidez pra cá eu creio que eu tenha me tornado uma pessoa melhor..
A primeira coisa que te explicam quando você descobre que está grávida é que nada dali em diante tem programação, a começar pela máxima de que o bebê tem data “provável” para o parto, ou seja, se você não estiver interessada em interferir no curso da natureza marcando uma cesárea, já começará aí mesmo a sua primeira indefinição, que na época para uma “pessoa planilha” como eu, realmente seria complicado, não fossem as altas doses de hormônios gestacionais tomando conta do meu ser e me fazendo mais paciente

As mudanças começaram na gestação, mas foram evoluindo gradativamente .. as dores da cesárea foram suprimidas pela necessidade de cuidar, proteger e alimentar um ser tão pequenininho e de gigantesco significado que naquele momento, estando eu bem ou não, ele dependeria de mim e eu cuidava dele com tanto zelo e amor, que mal posso dizer como foi meu pós operatório porque eu simplesmente não me lembro... Só me lembro dele, da carinha dele, do chorinho dele .  A minha casa impecável com tudo no lugar, atualmente tem carrinhos espalhados que eu só fico preocupada mesmo quando vem visita, do  contrário deixo o menino ser feliz !   A ordem e a decoração de uma casa  embora seja uma das minhas grandes paixões, caiu para um posto sem muita expressão na minha lista de prioridades;    A forma como enxergo  a vida hoje é bem diferente de antes .. meu espírito de contribuir com o próximo está bem mais aflorado, contribuir para deixar um mundo melhor para meu filho tornou-se necessidade de modo que valores de cidadania e ecologia que antes eu já cultuava, hoje ganharam ainda mais espaço em minhas ações !   Tornei-me uma motorista muito mais cautelosa e consciente, hoje para passar um sinal amarelo lembro-me que tem uma vida de suma importância ali comigo ..  Procuro zelar mais pelo meus atos e ponderar bem as palavras, já que agora eu sou o espelho de alguém ..

Atualmente me apego menos às coisas pequenas para realmente valorizar o que requer valor, o que realmente tem importância ..

Enfim .. eu considero-me uma pessoa feliz !  Uma mulher que mesmo tendo se tornado mãe, pensa em si própria e não somente no filho como é o que acontece com muitas mães, porém algo mudou e esta mudança foi realmente muito grande porque foi uma mudança de consciência, de como se vê a vida, esta mudança se traduz em amadurecimento, em crescimento .. posso ousar dizer que foi uma melhora da minha essência.

Então contudo eu não ter lido os estudos acerca da mudança cerebral das mulheres  mães, eu assino embaixo de que esta mudança existe e eu estou aqui, sentindo a prova à flor da pele .. ou melhor, do cérebro !

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe-me saber o que você achou deste post. Comente !

Posts Recentes

Últimos Comentários

Não perco por Nada!

CAIXINHA DA MAMÃE - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2013
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL